3 de fevereiro de 2010

infância




Hoje tenho saudade daquele tempo onde viver era bem mais fácil.
Não tinha preocupações com estudo, 
não tinham amores mal resolvidos ou não correspondidos.
Simplesmente não tinham amores nesse sentido.
Tudo era brincadeira...
Nada de tecnologia, vídeo-game, computador, jogos eletrônicos.
O que tinha era terra pra fazer bolinhos de areia... 
amigos pra pular amarelinha e brincar de esconde-esconde.

Infância é fase de inocência.

'...cheiro inesquecível do giz de cera...'



Um comentário:

.Leonardo B. disse...

[lugar onde o tempo não parece passar, inocente juventude quase grandiosa; até é possível ter saudades do futuro...
quando damos por nós, há um tempo na idade, que nem esperança no passado, dá vontade!]

um dez cem meus abraços

Leonardo B.